Diferença entre produtos orgânicos, naturais, veganos, cruelty-free

Olá, positividade, Hi guys, tudo bem?

No #diqueinforma de hoje, o tema escolhido, tratará sobre os itens que confundem quem está mudando seu estilo de vida em todos os aspectos e entre outros blás, blás, que não serão explanados agora, por não ser tratar do tema do post, preparem bem os olhos, que a leitura é grande. Os produtos à base de plantas não competem apenas com o resto do mercado, eles são cobiçados, por serem, mais eficazes, graças aos ingredientes NATURAIS que fazem maravilhas para nossa pele.

No entanto é extremamente importante termos cuidado com os produtos que parecem ser bons para nossa pele e para o planeta, entre eles, incluir a sustentabilidade, pois, é nosso dever nos preocuparmos em devolver a mãe natureza, tudo o que ela nos oferece de graça, para que a fonte nunca cesse.

De acordo com algumas pesquisas, alguns órgãos de fiscalizações e monitoramentos rigorosos, a maioria estão desregulares, ocorrendo a facilidade de qualquer empresa poder carimbar a palavra em um rótulo, mesmo que o produto em questão esteja cheio de produtos químicos sintéticos, porém, não é um motivo gritante, ainda há como identificar a veracidade dos produtos totalmente naturais.  Vamos aos termos!

PRODUTOS ORGÂNICOS

A maquiagem orgânica é no mínimo 95% natural, onde os ingredientes precisam ser no mínimo 10% de origem orgânica certificada, vocês lembra da ECOCERT?. Isso significa que devem vir de plantação e cultivo sem agrotóxico, bem como ser sustentável, não usar ingredientes prejudiciais à saúde como os grandes vilões dos produtos:  Parabenos, Parafina, derivados de petróleo, Metais pesados, entre outros. Perceberam que marquei de vermelho acima os derivados do PETRÓLEO? Ele é um item natural, mas é potencialmente prejudicial a saúde, não confunda pretolatos com os silicones, que possuem uma pegada ecológica mais leve e conforme estudos, sem toxicidade.

Os pretolatos, acredito que ele seja muito usado, em 1 lugar pelo baixo custo, 2 por ter criado a informação de geração para geração que parafina, vaselina, óleo mineral, hidrata a pele, cabelos. Mas é contrário de tudo isso, eles impermeabilizam, ou seja criam barreiras. Vou tentar exemplificar: o que os patos, ou pinguins fazem para não ficarem molhados e com penas voadas?.

Já pararam para observar, que eles sempre estão sempre com os penteados em dias? Pois é, viva a impermeabilização, que funciona direitinho, faz bem para ele e é naturalzinho. Já no nosso caso impede os fios (bulbo) capilar de receber a hidratação necessária, prejudicando a saúde dos fios, lavar os cabelos diariamente não é sinônimo de limpeza, mas de desproteção. No caso da pele, impede a transpiração,entope os poros com aquele produto químico e cria aquela sensação de maciez devido a parafina, mas tudo isso tem um preço, que não vale a pena aderir.

ALVERDE

 

Não resisti e já coloquei indicações, pois nada é tão bom quanto exemplos, a empresa Alemã valverde é uma das minhas favorita da listas e o melhor assim como a @wetnwildbeauty são os preços justos para todos. Os produtos começam de $ dólar para cima, tem batons lindos a partir de 3,45€.

NATURAL

Embora o termo não seja regulamentado, nem todos os produtos com a palavra “natural” em seus rótulos são fraudes. A melhor opção é sempre buscar estudar os ingredientes. Lembre-se de que eles estão listados de maior porcentagem para o menor, então aponte para escolher um produto onde os ingredientes sintéticos estão principalmente na parte inferior da lista, se incluídos.

Nesse ramo de estudos e pesquisas é onde fica um pouco confuso e requer tempo e dedicação. Os nomes científicos de alguns ingredientes naturais podem parecer sintéticos. O cloreto de sódio é apenas sal marinho, por exemplo, e o ácido cítrico é um composto encontrado em limões e outras frutas cítricas. Para não temer, você começará a reconhecer isso com a prática.

ORGÂNICO

Este termo – significa que os ingredientes são cultivados organicamente – é regulado pela FDA nos gringos e Ecocert, IBD, produtos orgânicos, no Brasil e demais entidades de fiscalizações e acompanhamentos, que vocês podem acessar no site da Agricultura  mas aqui está um engate: um produto só deve conter uma certa porcentagem de matéria orgânica para ser declarado “orgânico” em seu rótulo? (Essa quantidade varia, conformes as localidades?

Identificar um selo orgânico USDA é ideal, pois isso significa que o produto contém pelo menos 95% de ingredientes orgânicos.

À BASE DE PLANTAS OU SINTÉTICO

Teoricamente, um produto rotulado como “sem sintético” não contém ingredientes artificiais para falar – é 100% feito de elementos ou compostos que ocorrem naturalmente. O termo “baseado em plantas” pode ser um pouco mais flexível, mas geralmente indica que o produto é fabricado com ingredientes botânicos.

CRUELDADE LIVRE

Muitos de vocês ja pararam para observar o símbolo de coelho nos rótulos de cosméticos! Isso é uma certificação de Leaping Bunny, que significa que nenhum dos ingredientes do produto foi testado em animais. O site Leaping Bunny é um ótimo recurso para viciados em beleza com mentalidade ética, pois alguns produtos comercializados no Brasil, são vinculados a empresas internacionais, então vale a pena conferir a lista sempre atualizada das grandes marcas de beleza que dizem não aos testes em animais.

Existem muitas marcas menores que não ser certificadas pelo Leaping Bunny, PETA, PEA, mas isso não significa necessariamente que elas não são livres de crueldade. Certifique-se de que ele diz na embalagem ou faça uma busca rápida do Google ou entre em contato com a empresa.

Outras informações

Alguns estados dos EUA começaram a fazer iniciativas proibindo teste em animais, mas todas as empresas de cosméticos que vendem na China são obrigadas a testar em animais, de acordo com as leis do país, o que significa que muitas marcas importantes ainda testam. Novamente, o Google é nosso amigo, pesquise.

VEGAN

Um produto rotulado de “vegano” não contém produtos animais ou subprodutos. Um produto de beleza vegano poderia muito bem ser carregado de produtos químicos sintéticos, desde que nenhum animal fosse prejudicado no processo. No entanto, se certas composições não lhe agradam, recomendo sempre ler as composições  químicas dos produtos antes de comprar.

Já usei as tintas veganas da surya e foi uma experiencia muito boa. Nunca em toda era de minha existência, pintei os cabelos e eles ficaram sedosos, sem a necessidade de secar.

Isso é tudo pessoal, espero que tenham fixado um pouco sobre esses termos tão importantes nos nossos dias atuais.

Nos vemos em breve! See Ya!

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

Você poderá gostar de

Scroll Up
error: Content is protected !!